Memorial Rio Branco
 

O resgate histórico-cultural também é uma questão amplamente valorizada pela Rio Branco. Em linha com esta postura foi criado o Memorial Rio Branco. O espaço busca rememorar parte da história do segmento, bem como trazer informações e curiosidades sobre o contexto da época em que se iniciou a distribuição de combustíveis no Brasil. Uma verdadeira viagem através do tempo pelo advento do combustível.

 

O objetivo do espaço é o de eternizar os testemunhos materiais através da exposição de um acervo que remonta décadas passadas e assim contribuir com a narrativa da sociedade.

 

O Memorial também serve como fonte de pesquisa. A intenção é que os visitantes tenham acesso ao acervo e, com este estímulo à criatividade, interajam um pouco mais com o passado e a história por trás de cada item.

 

A preservação da história, a interação com o público e o acesso qualificado da população à cultura também são pilares preconizados pelo espaço. O Memorial traduz-se numa importante ferramenta de inclusão social e cultural, ao possibilitar o livre acesso e a oportunidade de agregar conhecimentos.  

 

No acervo estão reunidas bombas de combustível das décadas de 20 à 60 das mais conhecidas marcas como Wayne, Gilbarco e Benett. Uma bicicleta da década de 60 da Goricke e uma linda moto CB 750 Four da década de 70 também constituem o acervo. Além disso a exposição conta com caminhões da Ford, GMC, Chevrolet e Mercedez Benz das décadas de 40, 50 e 60.  

 

O Memorial Rio Branco já é considerado um dos pontos turísticos de Araxá e está localizado no Auto Posto Estação Araxás situado à Av. Ministro Olavo Drummond, 2950, bairro Aeroporto, no trevo Uberaba/Uberlândia. Fica aberto à visitação diariamente das 8h às 22h, com entrada franca.

 

Companhia da Mídia